quarta-feira, 13 de abril de 2016

Abespinhados


Faz-me confusão a quantidade de gente mal-disposta que por aí anda. Que perde tempo com o que não importa. E que perante uma opinião diferente, parte para o insulto, ou despeja veneno e maledicência à toa. Não consigo entender. Não me demoro a ler quem ou o que não me interessa e, se por acaso encontro alguma coisa de que não gosto, calo-me e ignoro. 
Imagino que quem vive nisto constantemente (e há por aí uns profissionais do género) deve viver em profunda e permanente amargura. Uma tristeza, pois, quando há tanta coisa bonita e boa à nossa volta...

4 comentários:

  1. Onde é que posso assinar, Isabel?
    Subscrevo cada palavra.

    Um beijinho e um dia feliz :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É estranho, não é?...

      Obrigada. Para si também. Beijinho :)

      Eliminar
  2. Se me é permitido, junto-me ao clube de quem não entende e de quem prefere calar e seguir adiante. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Felizmente não fazemos parte do "clube", Luísa. :)

      Eliminar